sexta-feira, 13 de abril de 2012

Ser Santos FC, segundo Ismael

Em meados dos anos 80, perguntei ao meu pai: Pai para que time você torce ?
Ele respondeu: SANTOS !
Respondi a ele: Vou torcer para ele também.
Porque para mim desde moleque, o filho tem que torcer, para o mesmo time que o pai.
Escolhi o Santos, sem saber nada sobre sua história, sabia apenas, que era o time do meu pai. Nem sabia que um tal de Edson tinha jogado no Santos, e muito menos o nome do nosso estádio. Fui saber de Pelé e da Vila, através do meu primo, um corinthiano diga-se de passagem.
Ser santista, é diferente de tudo relacionado a torcedores. Para começar, temos que pegar estrada rumo ao litoral, para ver nosso time jogar em casa.Nos grupos de pessoas, somos sempre a minoria, porém, os mais sorridentes. Sócio do Santos é sócio do futebol, temos clube apenas no nome.
Para nós vencer não basta, tem que dar espetáculo, no enredo temos pedaladas, dribles, rolinho, chapéu (Pode ser com bola parada também) e etc....  Nunca ganhamos títulos, com craques consagrados e sim, com molecada crescida na base. É como diz o Edy Rocky, em seu texto: "Para eles é guerra, para nós é aventura".
O Santos é aquele, que sempre tem que provar algo mais, nota 10 não vale, tem que tirar 10,5 apenas pelo fato, de ser o único grande do Brasil, que não reside em uma capital. Carregamos uma benção e um fardo, só por termos Pelé em nosso plantel !
Torcedores do "Trio de Ferro" para nos provocar, dizem que não somos rivais. Para mim tudo bem, o que importa para o santista, é vencer bem os 3 da capital.
Este Alvinegro praiano, lembra o Pimentinha e os outros o Srº Wilson. Moleque abusado, que irrita e incomoda o tiozinho rabujento com sua arte. O que seria do Superman, sem o Lex Luthor e o Darkseid ? E do Batman, sem o Coringa e o Charada ? Os rivais são os complementos, que enriquecem a história das agremiações, e os tornam grandes. Um muito obrigado ao centenário Corinthians, ao Palmeiras e ao caçula São Paulo.
Obrigado SANTÁSTICO, pelas alegrias e tristezas porque: "O meu coração é alvinegro e bate forte por você, Santos você é a minha vida e te amarei até morrer".

Ismael Antonio dos Santos - O Santos é minha loucura !

Um comentário:

  1. Adorei!!! Se bem que meu pai era Sao Paulino Roxo. E foi morar em Santos e la eu nasci. Desde muito pequena eu vivi ali na Vila Belmiro e em epoca de jogo era uma loucura. Sempre gostei de futebol desde muito pequena e ja tinha uma queda pelo Santos pq sempre que passava com minha mae pelo estadio eu dizia: meu time. Meu pai nao gostou muito nao, mas respeitou a minha decisao que ja estava no sangue de ser santista. Meu dois irmaos tbm se dividiram entre santos e Sao Paulo. Sobrinhos tbm, mas na medida do possivel, qdo SANSAO esta em campo, o respeito prevalece. Nem todo mundo eh perfeito..

    ResponderExcluir